Cigás mantém certificações ISO 9001 e 14001

Atualizado: Mar 26


Com o objetivo de manter elevado nível de qualidade nos processos internos e a gestão ambiental estratégica em conformidade com a legislação inerente à atividade, a Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) garantiu a manutenção das certificações ISO 9001 e 14001, versão 2015. A instituição certificadora foi a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), que possui atualmente mais de 400 programas de certificação em diversos segmentos e atua em cerca de 30 países do continente americano, Europa e Ásia.

A ISO 9001 se refere a um conjunto de normas técnicas voltadas ao estabelecimento de modelo de gestão da qualidade para organizações. A fim de conquistar a certificação é necessário que a organização cumpra a legislação pertinente a sua área de atuação e ainda uma série de requisitos, que inclui desde mapeamento de processos até planejamento do Sistema de Gestão e ações corretivas. Já a ISO 14001 tem como finalidade a implementação de sistema de gestão ambiental, de maneira a nortear a adequação de práticas ambientais aos processos internos.

Segundo o diretor-presidente da Companhia, René Levy Aguiar, a Cigás norteia suas ações no sentido de contribuir com a preservação dos recursos naturais. Ele explica que a adesão ao gás natural, fornecido pela Companhia, permitiu a mudança da matriz de geração de energia elétrica na capital e em municípios do interior (Anamã, Anori, Caapiranga, Codajás e Coari), sendo que os benefícios ambientais foram inclusive comprovados por meio de pesquisa produzida, há alguns anos, pela Green Ocean Amazon, a qual indicou redução de 73% na poluição provocada pela queima de combustíveis líquidos e de 55% na emissão de gases de efeito estufa em Manaus.

Outro aspecto relevante, conforme o diretor-presidente, é o impacto na mobilidade urbana da capital amazonense com a retirada de circulação das ruas de 300 carretas de combustível líquido diariamente. “Trata-se de um importante legado da Cigás”, frisou o diretor-presidente.

Auditoria – Grande parte dos processos internos da Companhia passou por inspeção pelo órgão certificador, entre os quais os referentes ao processo operacional, que abrange também o sistema de supervisão da Rede de Distribuição de Gás Natural (RDGN), executado pelo Centro de Controle Operacional (CCO), cujo funcionamento é 24 horas por dia, todos os dias da semana.

A primeira fase da auditoria que habilitou a Cigás à renovação das certificações foi realizada remotamente, de 5 a 9 de outubro, e a segunda ocorreu de forma presencial, na última semana daquele mês. A Cigás possui certificação ISO 9001 desde setembro de 2014, e ISO 14001 desde novembro de 2017.

De acordo com o diretor técnico comercial da Companhia, Clovis Correia Junior, as renovações dessas certificações demonstram de maneira inequívoca o comprometimento da concessionária com o meio ambiente, bem como com o alto nível de qualidade do serviço que presta à população amazonense.

Sobre a Cigás - Concessionária de serviço público, a Companhia de Gás do Amazonas atua na distribuição e comercialização de gás natural, tendo completado 10 anos de operação no estado, em dezembro de 2020. Desde então, a Companhia já investiu, no Amazonas, R$ 586 milhões, em valores corrigidos. Até 2025, o investimento global da Cigás deve alcançar expressivos R$ 786 milhões.

A manutenção do serviço de distribuição de gás natural garante o desenvolvimento de refinados processos e o funcionamento de linhas de produção de mais de 50 empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM). Também beneficia postos de combustíveis, um número superior a 4 mil unidades residenciais e em torno de 140 estabelecimentos comerciais. A extensão da Rede de Distribuição de Gás Natural já alcançou 152 quilômetros e conforme planejamento, deve atingir 310 quilômetros em 2025.

Fotos: Arquivo/Cigás

Mais informações: Assessoria de Comunicação da Companhia de Gás do Amazonas (Cigás): Izabelly Costa (98427-3270) e Lisângela Costa (98114-8785).