Companhia de Gás do Amazonas promove evento para fortalecimento da cadeia de gás natural no estado


Com grande volume de investimento empregado na expansão da Rede de Distribuição de Gás Natural (RDGN), a Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) está intensificando a atuação também com foco no fortalecimento da cadeia do gás natural canalizado no estado. Para isso, realizará, na manhã desta quinta-feira (20/05), o evento “Diálogos de Energia – Atraindo fornecedores parceiros”.

Restrito a convidados e obedecendo a todos os protocolos de prevenção contra a Covid-19, o evento é voltado a fornecedores, principalmente pequenas e médias empresas, que atuam no mercado local, especializadas nos serviços de construção, montagem e manutenção de redes internas de gás. A finalidade é orientá-los para que possam se tornar aptos a prestar serviço na cadeia do gás natural canalizado, adequando-se a regulamentações vigentes e às boas práticas de instalações prediais.

Atualmente, a concessionária conta com mais de 5,3 mil unidades consumidoras contratadas. Até 2025, a Companhia deve alcançar investimento global de R$ 786 milhões na ampliação da rede de distribuição de gás natural (RDGN) e beneficiar 21 mil unidades consumidoras.

Este cenário indica um panorama favorável para empresas interessadas em atuar na cadeia do gás natural como fornecedores de serviços. “Pretendemos apresentar para as empresas que realizam serviços de instalações internas de redes de gás natural as oportunidades de negócios, dado o número significativo de unidades consumidoras que a Cigás irá captar nos próximos anos, e ainda reforçar aspectos importantes da legislação aplicável para a execução dos serviços e a liberação do gás para o consumo”, ressalta o diretor técnico comercial da Companhia, Clovis Correia Junior.

Entre as regulamentações que devem ser seguidas está a de nº 004/2019, instituída pela Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados e Contratados do Estado do Amazonas (Arsepam) e pelo Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM). Nela, consta a obrigatoriedade de credenciamento prévio junto à Arsepam de todas as empresas que pretendam realizar o serviço de instalação interna de redes de gás natural canalizado. Um representante da agência participará do evento para esclarecer sobre a regulamentação.

Responsabilidade – Deve-se esclarecer que a viabilização e conservação deste sistema de instalação interna é responsabilidade exclusiva do usuário (cliente), em sua propriedade, conforme normas específicas para a garantia de segurança. A Cigás realiza a verificação das condições das instalações internas das unidades consumidoras, antes do início de fornecimento do gás natural e a qualquer tempo, para se certificar do cumprimento das normas técnicas e da regular utilização dos serviços.

Por essa razão, segundo o diretor-presidente da concessionária, René Levy Aguiar, o evento possui uma importância estratégica na medida em que pretende atrair novos parceiros aptos a prestar aos usuários um serviço de qualidade para que, assim, tenham condições seguras de usufruir dos benefícios do gás natural.

Ele ressalta ainda que a iniciativa de apresentar oportunidades e incentivar novas empresas a se credenciarem para atuação no mercado do gás natural faz parte da missão da Companhia de contribuir para o desenvolvimento econômico e socioambiental do estado, principalmente considerando o cenário atual da economia.

Sobre a Cigás – Concessionária de serviço público, a Companhia de Gás do Amazonas atua na distribuição e comercialização de gás natural para os segmentos Termelétrico, Industrial, Comercial, Residencial e Veicular. Até 2025, a estimativa é que a Rede de Distribuição de Gás Natural chegue a 310 quilômetros.

Foto: Arquivo/Cigás

Assessoria de Comunicação da Companhia de Gás do Amazonas (Cigás): Izabelly Costa (98427-3270) e Lisângela Costa (98114-8785).