Cigás promove intercâmbio com o Corpo de Bombeiros Militar

A iniciativa teve por objetivo esclarecer sobre aspectos técnicos e de segurança nas operações com gás natural




Membros do Corpo de Bombeiros Militar (CBMAM), dos estados do Amazonas e do Acre, participaram de treinamento promovido pela Companhia de Gás do Amazonas (Cigás), nesta sexta-feira (04/03), na sede da concessionária de distribuição e comercialização de gás natural. A iniciativa teve por objetivo esclarecer sobre aspectos técnicos e de segurança nas operações com gás natural (GN).

A atividade integra a etapa do Curso de Operações e Incêndio (COI), que tem por finalidade a formação de membros da corporação voltada à prevenção e ao combate de incêndios urbanos. É o terceiro curso realizado pelo Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas nessa área, sendo o primeiro a contar com bombeiros acreanos.

Durante a palestra, o especialista em Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Saúde (QSMS) da Companhia, Claudio Jorge, tratou sobre a natureza do gás natural, suas características físico-químicas e a composição da cadeia produtiva de gás natural no Amazonas. E fez uma ampla abordagem sobre o conjunto de verificação de requisitos e testes, para garantia da segurança de veículos adaptados a gás natural veicular (GNV), os quais seguem normas de padrão internacional.

Os participantes também conheceram a infraestrutura da Rede de Distribuição de Gás Natural (RDGN) construída para atendimento dos segmentos beneficiados com o serviço da Cigás: termelétrico, industrial, veicular, comercial e residencial. Atualmente, a RDGN conta com extensão de, aproximadamente, 180 quilômetros.

Foram apresentados, ainda, procedimentos adotados, pela Gerência de Operações da Companhia, para a garantia da integridade operacional da rede de gasodutos, com destaque para o sistema de odorização e o patrulhamento in loco da RDGN, com moderno equipamento para detecção de gás metano, principal composto do gás natural, garantindo a eficácia operacional da rede de distribuição, consequentemente, desmistificando que o odor, muitas vezes reclamado pela comunidade, seja de vazamento de gás natural.

A programação contou ainda com visita ao Centro de Controle Operacional (CCO) da Cigás, por meio do qual é realizado monitoramento 24 horas, diariamente, todos os dias da semana, da rede de distribuição. O sistema monitora as condições de fornecimento, como vazão, pressão e temperatura do gás natural, em diversos pontos da rede, cujos dados são atualizados em tempo real.

Um dos participantes do curso, o cabo Jammysson Freitas, destacou a realização do treinamento, como importante momento no processo de formação proporcionado por meio do curso. Ele salientou ainda a expansão do uso do gás natural no Amazonas, bem como o alto nível do sistema de segurança adotado pela Companhia em suas operações.

Para o diretor-presidente da Cigás, René Levy Aguiar, a iniciativa é de grande relevância, na medida em que favorece o intercâmbio entre entes da esfera governamental. Ele ressaltou os investimentos realizados ao longo dos 11 anos de operação da Companhia no Amazonas, que já ultrapassaram R$ 620 milhões (em valores corrigidos), e salientou o esforço e preocupação da Cigás em oferecer serviços com as máximas segurança e qualidade possível aos usuários.

Fotos: Divulgação/Cigás

Assessoria da Cigás: Izabelly Costa (98427-3270) e Lisângela Costa (98114-8785).